#1 O mês de Julho de 2016

O mês de Julho foi um mês pesadíssimo. Coisas Estranhas aconteceram. Sentimentos estranhos também. Foi uma montanha russa sentimental, eu diria.

No começo do mês houve o sumiço do meu gato, o Nico. Espalhei cartazes pelo bairro e fiz campanha de #voltanico pela internet. Em vão. Nicolas decidiu que era hora de se aventurar em outros telhados, namorar outras gatas e comer em outros potes. Assim eu espero, porque não quero pensar no pior. Ele chegou aqui em casa bem neném, porque o resgatamos lá na chácara. Achávamos que a mãe dele o tinha abandonado, e ficamos com medo de deixá-lo sozinho. Trouxemos ele para casa. Ele ainda não podia comer ração, e só tomava leite. Comprei o leite próprio para gatos e uma mamadeira, era lindo de ver. Cresceu forte e saudável, mas não tinha o costume de ir para longe de casa. Era o único gato que atendia nossos chamados, mas nessa quarta-feira de Julho ele não respondeu. Vai fazer 1 mês agora dia 06 e a casa continua com uma sensação de vazio, e o sofá preto, impecavelmente preto. :/

887495_10156273085865370_3986118580941066577_o

Já um pouco recuperada disso, 1 semana depois, minha mãe recebeu um diagnóstico não muito bom. Já era o esperado, mas mesmo assim, foi um baque. É incrível como Deus nos dá forças quando mais precisamos. Sempre achei que se alguém da minha família tivesse essa doença, eu acho que morreria antes, pois não saberia lidar. Quem me conhece sabe como eu sou desesperada, e acho que a minha ansiedade não me deixaria em paz. Apesar do diagnóstico assustador, há cirurgia e tratamento adequados. O meu maior medo é de essa doença se espalhar, mas fé em Deus que a ela não costuma falhar! <3

Logo em seguida dessa notícia, ainda transtornada dos últimos acontecimentos, o sr. Assis começou a apresentar sinais de fraqueza. Não queria mais comer, mesmo a comidinha feita de arroz, frango ou carne moída. Tentei suplementos e outras papinhas, mas ele foi ficando cada vez mais fraquinho, e eu meio perdida sem saber o que fazer. Levei no veterinário, claro, mas ele disse que não havia muito mais o que fazer também.

O sr. Assis já estava muito velhinho, e sofrendinho. Finalmente, pôde descansar e correr no céu dos cachorrinhos.

10428097_10154923895605370_6306811812536662431_nE, para terminar, nesse último final de semana, a cachorrinha que resgatamos em Junho, ficou presa no portão que separa o quintal da garagem, sabe-se lá quantas horas. Tínhamos saído para ir à chácara, e até fizemos mais uma grade para que ela não passasse para o outro lado. Mas ela ainda acha que é pequenininha e tentou passar. Resultado: ficou presa. Poderia ter sido muito pior. O portão poderia ser de lança, ou ela poderia ter morrido. Quando cheguei e vi ela se debatendo e latindo desesperadamente, a minha única reação foi segurá-la (ela estava praticamente pendurada pro outro lado, só presa pelo quadril), e quando eu fiz isso, ela meio quase desfaleceu nos meus braços. Não tinha mais forças para nada. Parecia uma cena de tortura, porque tentando sair, ela bateu a patinha na parede e acabou machucando a unha, o que espirrou sangue na parede inteira. Foi horrível. Corri com ela num veterinário 24 horas, e ela ficou internada, tomando medicamento, e para fazer alguns exames. Eu pensei que ela não ia mais andar, porque não tinha reação nas patas traseiras. Quando fomos visitá-la ontem, foi um alívio tão grande vê-la com o rabo abanando e pulando na grade. Ela ainda não está 100%. Não consegue subir direito a escada, ainda deve doer para pular (ela evita), e está com diarreia (que eu não sei se está com sangue). Os exames deram todos ok e, segundo os médicos, a patinha traseira está só inflamada que com os remédios ela vai melhorar (e a diarreia também). Bom, ela ainda está em observação, amanhã voltaremos lá. Mas não vejo a hora de essa danada estar subindo e descendo e correndo e pulando.

13901550_10157284363540370_4999053704831104065_n

Pois é, nem eu sei como aguentei o tranco esse mês. Por isso que eu disse que Deus nos dá forças quando a gente menos espera. E fica aqui o apelo de #goodvibesnambara <3

banner-BEDA

Anúncios
31 comentários
  1. Nicas disse:

    MIGA! Eu sinto tanto por tudo e eu queria de verdade poder fazer alguma coisa por você (e pelo Nico e pela sua mãe e pelo Assis e pela Bri). Já te disse isso e vou repetir sempre, que estou aqui para o que você (e a sua turma!) precisar.

    Bom BEDA pra gente e bom agosto pra gente e uma chuva de good vibes e abraços e carinho pra você.

    • Natália disse:

      Nicas, muito obrigada por todo o apoio sempre, tá?!

  2. Uhuuuuu!
    Vou ficar acompanhando você e em breve faço um post para ajudar na sua divulgação e dos colegas que estão participando do BEDA2016!

    Eu também estou nessa, vamos com força!
    Corre lá!

    HuG! :)

    http://www.andrehotter.com

  3. Carol disse:

    Amiiiga, poxa que mês viu? Agora virou e vai ser só coisa boa, estou torcendo muito que tudo dê certo E VAI DAR SIM! :) Muita muita energia positiva pra vcs aí! Sabe que estamos do seu lado de qualquer jeito <3
    beijos

    • Natália disse:

      Carol, fico muito feliz por ter vocês na minha vida! <3
      Obrigada!

  4. Tati disse:

    Nessas horas eu só sinto que preciso abraçar a pessoa, então vou te deixar um abraço tá? <3

    Novembro Inconstante

    • Natália disse:

      Um abraço virtual é sempre bem vindo, ainda mais de pessoas que acabamos de conhecer! <3
      Obrigada, Tati!

  5. emoutubro disse:

    Eu sinto muito por isso tudo porque imagino como deve ser o baque, mas foi o que você disse, Deus sempre nos dá forças em tudo. Se cuida, viu? 💙

    • Natália disse:

      Você está certíssima. O melhor que tenho a fazer é não perder a fé!
      Obrigada! :*

  6. thais disse:

    nossa mana, vem cá pq eu quero te abraçar!!!! força viu? se precisar conversar, me chama!

  7. Mareska disse:

    Caramba, tomara que Agosto seja um mês melhor pra você D:

  8. Poxa, a minha avó tem alguns gatinhos e quando acontece de algum sumir ela fica super triste, então posso imaginr um pouco do que você sentiu…
    Vou orar para que sua mãe melhore logo.
    E espero que essa cachorrinha linda possa se recuperar logo!
    Beijos, Aline
    http://versoaleatorio.blogspot.com.br

  9. Ana disse:

    Ai meu D, Nambs, que barra. :~ Eu acompanhei de longe em alguns tweets e fiquei com a garganta apertada. Tanto sobre a doença quanto pelos bissinhos, porque acho que isso são as coisas que mais me deixam aflitas no mundo inteiro. Desejo força e que tudo se ajeite. Beijo! <3

    • Natália disse:

      Muito obrigada, Ana!
      Parece que as coisas estão se ajeitando agora! <333

  10. Namby, sinto muito por tudo </3
    Ano passado passei por uns bocados difíceis e sei como é essa sensação de que todo dia é uma coisa horrível diferente e lidar parece impossível. Mas a gente sobrevive e tudo nessa vida passa.

    Força, coragem e abraços apertados. Tudo de melhor pra sua mãe e pra bichinha <3
    beijos!

    • Natália disse:

      É uma barra, né Anna. Cada dia é um tropeço. Espero que as coisas se ajeitem logo, porque olha, tô cansada, haha.

      Obrigada pelas palavras, bonita!
      :*

  11. Line disse:

    Miga, precisamos energizar sua casa pois tá complicadinho né? E temos que te arrastar para os rolês, vc ficando feliz, vai atrair coisa positiva e sai dessa coisa esquisita que tá acontecendo. Estamos todas torcendo por você <3

    • Natália disse:

      Precisamos mesmo, Line. Eu fico pensando que os bichinhos não têm que passar por essas coisas, só porque a energia tá ruim, hahaha.
      Mas muito pensamento positivo e oração ajudam muito!
      Obrigada!
      :*

  12. Vy disse:

    Agosto há de ser muito melhor ;) Vai dar tudo certo!

  13. eu sinto muito, espero de coração que Deus cuide da sua mamis que ela fica muito bem. Eu sei como é ter gato fujão, já passei por isso 3 vezes :´(. ano passado foi a vez da minha cachorra ir correr no céu dos cachorros, mas ela aproveitou muito 15 anos <3

    • Natália disse:

      Ô, Raphaela. Sinto muito pelos seus gatinhos e sua cachorrinha também. Mas a vida é assim, né? Ficamos tristes, mas temos que saber lidar.

      Obrigada pelo comentário!

      Beijos

  14. maki disse:

    tem horas que parece que vem tudo assim, né? uma coisa atrás da outra. mas o universo não manda nada que a gente não consiga lidar mesmo! e, ó: #goodvibesnambara! vai dar tudo certo ♥

    • Natália disse:

      Ai, menina, é bem isso que eu fico pensando. Deus nunca dá o fardo maior que a gente pode aguentar. E, como eu disse, pensei que nunca conseguiria passar por uma turbulência assim (sei que há piores, mas cada um, cada um, haha). Ainda bem que força vem quando menos esperamos!

      Obrigada, pelo comentário!

  15. Também já passei por coisas do tipo tudo de uma vez, mesmo assim não consigo imaginar direitinho como você se sentiu. Realmente é só Deus pra dar forças ♥
    Deus dá forças e eu mando mais boas energias pra vocês ♥♥♥♥♥♥

    • Natália disse:

      Ai, miga, a gente nem sabe como consegue passar por tudo isso, né? Mas é uma provação, sei que é, só para sabermos que somos capazes de muita coisa. Não podemos é ficar desesperançosas, isso nunca!

      Um beijão e obrigada!! ♥ ♥ ♥

  16. É…não só o mês de Julho mas esse ano tem sido uma coisa mesmo, se fosse falar tudo que me aconteceu ia longe hahahaaa
    A gente sempre tem forças mesmo quando pensamos que não .
    Força e fé e vamos seguir em frente
    Bjs

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: