arquivo

Arquivo mensal: outubro 2012

São 15h da segunda-feira e eu acabei de confirmar presença em um evento no Facebook que acontecerá sábado. Evento esse que até lá, arranjarei uma desculpa para não ir. A Panamericana está acabando, mas a crise ainda continua. Meus projetos estão quase prontos, mas bate aquela sensação de “não aprovada”, principalmente, pelo professor. Não sei explicar bem o motivo, mas eu ando tão cansada de fotografia. Acho que estou longe de ser uma fotógrafa, ou talvez, aquela fotógrafa que eu queira ser. Esse ano foi pesado. Mentalmente falando. Estou com um cansaço mental e emocional muito grande. Talvez eu seja mesmo um prato cheio para um terapeuta, mas acredito que se eu começar a frequentar um, eu já saiba tudo o que ele tenha para me falar. Mas as coisas, para me ajudar, têm que partir de mim. Somente. Os finais de semana se resumem a ficar em casa. Precisava sair para terminar os projetos, mas não consigo. Ainda dá tempo, mas sonho com o tempo perdido.

Anúncios

Faz muito tempo que não aparece um diálogo com a minha mãe aqui, né? Mas o de ontem, meus senhores, não tem como NÃO postar. Eu ri demais, de doer a barriga, de não conseguir respirar, de chorar, de só de lembrar me faz rir de novo! HAHAHAHA ai ai…

Bom, foi o seguinte. Instalei nesse final de semana o novo Home Theater e pelo qual estou apaixonada. Daí passamos o final de semana assistindo a séries e filmes. Ontem, acabamos de assistir a um episódio de Sherlock, meu pai foi dormir, e eu fui colocar um filme para a gente ver, e falei para minha mãe:

– Vou pôr um filme para a gente assistir. Acho que a senhora vai gostar de A Pele que Habito!

– Qual?

– A Pele que Habito

– Atrás do Fiapito?!

– … ?????? HAHAHAAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHA

– Qual filme, Natália?

(e eu não conseguia falar)

– A AJKFHADHFAKLJD PELE JAHDAHSDDADKJA QUE AKHDASAJSD HABITO!!

– A Kelly que Habito?!??!?!?!?!?!

– AAAAAAAAAFNCIAADJÇLSJFDLAÇSDJASJDÇASKDSBFJGHDJF A PELE AJHDAKSJDKAJD QUE DAJKSLHDKLASJDADJ HABITO!!!

– A Pele Quiabito???!?1?1?1?1!?

– AAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAHAHAHAHAHHAHAHAHAHHAAHHA QUIABITO!

 

Choro, lágrimas e dor de barriga. Ai, ai, como é bom rir assim.

Elementar meu caro Watson

Há um tempinho, enquanto conversava com a Lari a respeito de séries, ela me indicou Sherlock. Eu demorei um pouquinho para baixar, porque minha internet é tipo NET, então demorou horrores para terminar a primeira temporada, (e olha que a temporada é curtinha, acho que só 3 episódios).

Terminei de assistir a primeira temporada semana passada, e já consegui (aleluia) baixar os três episódios da 2ª temporada (falta o terceiro para eu terminar). Viciei e, quando assisti ao Emmy e vi que o Benedict Cumberbatch era um dos indicados ao prêmio de  Ator Principal em Minissérie, percebi que ela era mesmo muito boa.

Por mais que a dupla não seja Robert Downey Jr. e Jude Law, Benedict Cumberbatch e Martin Freeman exercem os papeis excelentemente! Talvez um pouco menos “glamourosos” e mais reais, o que torna toda a trama ainda mais emocionante.

Os episódios são longos, cerca de 1h e 30 minutos mais ou menos, como eu assisto à noite, sempre dou uma cochilada e deixo para terminar de ver no outro dia, hehe. Mas estou adorando, e espero muito que não seja cancelada.