Submarino

I’m not the kind of fool, who is gonna sit and sing to you, about stars, girl…


Terminei de ler o livro essa semana. Não me julguem, eu demoro mesmo para terminar de ler. Isso quando eu não começo um livro e o abandono no meio do caminho, para retomar tempos mais tarde, enfim.

Dessa vez eu fiz algo diferente. Assisti primeiro ao filme – porque eu não sabia que era baseado no livro – e depois eu comprei o livro. O filme é um tico diferente, mas lindo igual. Difícil dizer qual dos dois é melhor, já que eu assisti o filme sem pretensões de compará-lo ao livro. Meh.

Oliver Tate é fantástico em sua excentricidade. A história se passa em Swansea, cidade litorânera da Inglaterra. Oliver tenta salvar o casamento dos seus pais ao mesmo tempo que está envolvido em seu primeiro romance com Jordana Beaven, sua colega de escola. Assim como os começos de namoro, o dos dois parecia lindo. Combinavam em suas peculiaridades, aprendiam um com outro, eram iguais sendo diferentes. Coisa fofa demais.

Curioso com palavras, os capítulos do livro são marcados por palavras que Oliver ou procura no dicionário, ou aprende com alguém e as usa diante de algum contexto, ou sem contexto algum. Escreve um diário, o qual sua namorada de vez em quando lê, e acredita em umas coisas, em outras nem tanto. Oliver tem uma excelente imaginação também, e mente super bem. Seus pais são tão esquisitos quanto o garoto, uma família que por mais que pareça que não funciona, funciona!

Submarino entrou pra listinha dos favoritos – livros e filmes. O filme tem uma trilha sonora maravilhosa, feita pelo lindo do Alex Turner, que já falei milhares de vezes. A trilha combina demais com o clima do filme, a fotografia, os personagens, o local. Fiquei com ela na playlist mental por semanas! ♥

“Tenho coisas mais importantes em que pensar do que o término do meu primeiro relacionamento, o qual, como qualquer adulto será capaz de dizer, é apenas uma daquelas coisas que parecem destroçar a vida num dado momento, mas não significam nada quando se tem quarenta anos.”  

 

Anúncios
2 comentários
  1. Tô lendo o livro também, e como vc primeiro vi o filme por não saber que havia o livro. E posso dizer? Esse foi o melhor texto que li sobre Submarino. Cheguei aqui no seu blog pelo Lomogracinha e estou amando tudo isso aqui.

  2. Luana disse:

    Parabéns pela resenha! gostaria de saber onde você comprou o livro!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: