Meu coração não aguenta mais ser stalker

Hoje vi um tweet da Dani Arrais que dizia “Quer ser stalker? Então aguenta, coração!”. E, realmente, é isso. Ser stalker é para poucos, e eu já fui a maior stalker que você possa imaginar, mas não aguentei a pressão (arterial). Sério! Não é exagero, ser stalker faz mal para a saúde, para a mente e para o coração. Se você consegue ser um stalker firme e forte, meus parabéns. Eu não. Desisti dessa vida quando tudo começou a me machucar. Para falar a verdade, nunca deixei de ser stalker, né, mas stalkeio agora só quem não me conhece, quem eu não conheço, amigos de amigos e tal. Coisa pouca e boba. Mas AQUELA stalker eu já não sou mais. Graças a minha boa vontade e as “taquicardias” que eu tanto achava que fariam meu coração explodir.

Quando soube da nova ferramenta do Facebook eu pensei “meu Deus, NÃO!” essas mídias sociais são uma desgraça para qualquer coração fraco e stalker compulsivo. Não procurei me aprofundar nessa nova ferramenta, não quero nem saber onde se encontra. Cansei de ser rejeitada por milhares de meios de comunicação. Ficaria só com o telefone que mesmo assim meu coração já pareceria enfartar.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: